- Turismo -

Confira os encantos de Viena: a cidade imperial

21.06.2019 por Bruna Kirsch

Foto: Christian Stemper/Wientourismus A romântica cidade imperial, metrópole das óperas, das artes e da cultura, é um ótimo destino para casais, mas também pode ser lugar de crianças. Viena é famosa pela qualidade de vida e reconhecida por inúmeros prêmios, o que a torna um destino especialmente atrativos para quem procura uma programação diversificada para pais e filhos. Às margens do Danúbio, Viena recebe anualmente a visita de milhares de turistas atraídos pela história do seu passado imperial. São inúmeras as atrações esportivas e atividades de entretenimento e lazer disponíveis.

Foto: Peter Rigaud Os programas clássicos de Viena, como o passeio na roda gigante ou na charrete, chamam tanto a atenção de casais apaixonados quanto de crianças, que também ficam ansiosas por visitarem o Tiergarten Schönbrunn, o mais antigo zoológico do mundo. Várias instituições renomadas, entre elas o museu Haus der Musik e o palácio Schönbrunn, oferecem atrativos especiais para crianças, e os hotéis da cidade também recebem seus visitantes com ofertas direcionadas para famílias. Em especial, destaca-se o famoso Hotel Sacher, com sua programação “Petit Sacher – Sacher Kids”.

Foto: Paul Bauer/Wien Tourismus

• TURISMO DE VIENA EM NÚMEROS •

• Com 16,5 milhões de pernoites, o turismo de Viena registrou em 2018 um crescimento de 6,3% em relação a 2017, quando tinha alcançado seu recorde anterior.

• O mês de janeiro de 2019 se mostrou ainda mais dinâmico, com um crescimento de 12,6% no número de visitantes e de 11,8% no de pernoites.

• Em 2018, 82% dos pernoites na cidade foram de turistas estrangeiros.

• No que se refere ao Brasil, no ano de 2018 foi registrada uma ligeira queda de 6,3% nas visitas e de 4,7% nos pernoites.

• Ainda assim, com mais de 52 mil visitantes e 132 mil pernoites, o Brasil segue sendo para Viena o maior mercado da América do Sul. Com uma estada média de 2,54 noites, os brasileiros estão entre os viajantes que mais tempo permanecem na cidade.

• Wiener Staatsoper •

Foto: Christian Stemper

Em 2019, completa 150 anos a inauguração da casa de ópera da Rua Ringstrasse: em 25 de maio de 1869, a Wiener Staatsoper teve sua primeira apresentação com Don Giovanni, de Mozart. Por isso, em 25 de maio deste ano a Staatsoper comemorou seu aniversário com uma festa e a estreia da ópera A Mulher sem Sombra, de Richard Strauss. Além disso, duas exposições se dedicam ao jubileu de 150 anos da instituição: a mostra 150 Jahre Opernhaus am Ring (150 Anos de Casa de Ópera na Rua Ringstrasse), na própria casa, e Die Spitze Tanzt – 150 Jahre Ballett an der Wiener Staatsoper (A Elite Dança – 150 Anos de Balé na Wiener Staatsoper), no Theatermuseum. A programação da Wiener Staatsoper oferece na temporada 2018/2019 uma seleção única de obras, com um total de 50 óperas, 16 balés e cinco programas infantis. Já para a próxima temporada estão sendo programadas mais de 350 apresentações, das quais 217 são óperas e 58 balés.

Foto: Klaus Titzer

Foto: Peter Rigaud

 • Belvedere •

Foto: Fotolia

O Belvedere não é apenas um magnífico palácio no estilo barroco, ele também abriga uma das coleções de arte mais valiosas da Áustria – com obras-chave de Gustav Klimt, Egon Schiele e Oskar Kokoschka. Considerado uma das joias da arquitetura barroca, o palácio é dividido em duas partes (Upper e Lower Belvedere) que guardam a arte austríaca desde a Idade Média até os dias atuais. Em Upper Belvedere fica a famosa imagem de O Beijo, de Gustav Klimt, criada em 1908. A exposição permanente nesta ala foi totalmente redesenhada em 2018 e conta com um total de 420 obras que podem ser visitadas em sete salas temáticas, distribuídas em três andares. Em Lower Belvedere o visitante pode ver todo o luxuoso espaço que servia de residência do Príncipe Eugênio, com o Groteskensaal (Salão do Grotesco), a Galeria de Mármore e a Sala Dourada. Outro destaque do palácio são seus jardins, que estão entre os mais significativos da Europa.

Foto: Fotolia

Para famílias com crianças a dica é ficar atento à programação infantil, que acontece vários dias de cada mês e oportuniza uma visita lúdica ao museu para crianças entre 3 e 12 anos. Para quem tem filhos menores, as visitas guiadas “Com o bebê no museu” são mais curtas e vão direto ao ponto (é permitido levar carrinhos de bebê, há espaço adequado para eventual troca de fraldas e para aquecer mamadeiras).

• Palacio Schonbrunn •

Foto: Fotolia

O Palácio de Schönbrunn é a atração turística mais visitada da Áustria e um dos mais belos complexos barrocos da Europa. Ele está na posse dos Habsburgos desde 1569 e hoje, devido a sua importância histórica, seu layout e mobiliário, é Patrimônio Mundial da Unesco. A antiga residência de verão dos Habsburgos impressiona com suas salas imperiais e seus jardins. O palácio conta com 1.441 quartos, dos quais 45 podem ser visitados. O parque do palácio é aberto aos visitantes durante o ano todo e é lar de impressionantes fontes, estátuas, monumentos, árvores e flores, bem como o magnífico Gloriette, um mirante que fica no alto de uma colina, com vista para o palácio e para toda Viena.

Foto: Fotolia

Para os que forem com crianças, o melhor lugar para desbravar é o zoológico Tiergarten Schönbrunn, considerado o zoo mais antigo do mundo. Ele abriga mais de 700 espécies de animais, entre eles pandas gigantes, elefantes, ursos polares, leões-marinhos, pinguins, orangotangos, girafas, tamanduás e zebras. Os visitantes podem fazer vários tipos de visitas guiadas, desde noturnas até passeios pelos seus bastidores

Foto: Paul Bauer

• Museu de História Natural de Viena •

Foto: Fotolia

Esqueletos de dinossauros, minérios fascinantes e animais insólitos: no Museu de História Natural de Viena é impossível não se impressionar. No Mikrotheater, microscópios e câmeras de última geração ajudam a projetar ao vivo na tela do cinema imagens de micro-organismos. As estrelas do espetáculo são animais e plantas que agem com comportamentos inesperados, gerando momentos surpreendentes. Com uma tecnologia de projeção em domo, o Digitales Planetarium leva os visitantes, tanto os pequenos quanto os grandes, a um passeio virtual, porém cientificamente preciso, pelos braços da Via Láctea e pelos anéis de Saturno. Os áudioguias, que recobrem os cem objetos mais importantes do museu, estão disponíveis em alemão, inglês, italiano, espanhol e russo. São oferecidas visitas especiais para os pequenos, chamadas NHM Kids & Co, para crianças a partir de 3 anos em dias pré-estabelecidos. A entrada é franca para menores de 19 anos.

Foto: Daniela Stallinger/Wientourismus

• Palacio Hofburg •

Foto: Fotolia

O Palácio Imperial Hofburg é um dos maiores complexos palacianos do mundo. Ele foi construído pelos Babenbers no século 8, sendo continuamente expandido até o século 20. O palácio foi a residência e sede do governo dos imperadores Habsburgo até 1918 e hoje é o lar de inúmeros museus, um centro de con- gressos, a Escola Espanhola de Equitação, a sede do Presidente Federal da Áustria, bem como o histórico Heldenplatz. Um dos lugares mais visitados é o Museu Sisi, em homenagem à célebre imperatriz Elisabeth, que ficou mundialmente conhecida por sua beleza e doçura. No palácio, o visitante poderá ver os objetos pessoais da imperatriz, bem como seus mais famosos retratos.

Foto: Paul Bauer/Wientourismus

Outros pontos imperdíveis são os Apartamentos Imperiais, a Coleção Imperial de Prata, a Biblioteca da Corte e o Memorial Mozart, com uma estátua do compositor. Se for em um domingo, não deixe de conhecer a Capela Hofburg, pois é lá que os famosos Meninos Cantores de Viena se apresentam. A programação para os pequenos no palácio consiste em passeios com visita aos quartos dos imperadores e com direito a prova de trajes imperiais.

Foto: Andrey Sinenkiy Junto ao Palácio de Hofburg fica a Praça Burggaten e nela está a famosa Casa das Borboletas Schmetterlinghaus. O local abriga centenas de borboletas tropicais que voam livremente em uma recriação de seu habitat natural, com direito à cachoeira, um pequeno lago e várias pontes. É outro ponto perfeito para passear com as crianças, que vão se maravilhar com as borboletas voando soltas.

 • Catedral São Estevão •

Foto: Wientourismus/Peter Rigaud

A Catedral São Estevão, também conhecida como Stephansdom, é considerada o símbolo de construção gótica mais importante de Viena e da Áustria. Além de ser um monumento belíssimo por dentro e por fora, ela guarda o túmulo do Imperador Friedrich III, o altar de Viena Neustadt, as catacumbas, o Pummerin – maior sino da Áustria, entre outras figuras importantes do país. A catedral foi erguida no século 12 e está localizada no centro histórico da cidade.

Foto: Wientourismus

Foto: Peter Rigaud • Prater •

Foto: Paul Bauer

Um dos passeios imperdíveis para toda a família é uma visita ao Prater, conhecido entre os locais como Wurstelprater, o parque de diversões mais antigo do mundo. A roda-gigante é a principal atração e o verdadeiro símbolo do lugar. Ela foi construída em 1827 e está aberta durante o ano todo. O parque conta com cerca de 250 atrações, que vão da tradicional Casa de Espelhos à minimontanha-russa, onde mesmo as crianças pequenas se divertem. A Eisberg oferece uma aventura interativa única pelo mundo do gelo, mexendo com todos os cinco sentidos. Há também o trem fantasma e o castelo inflável. Quem tiver coragem de entrar em um brinquedo a 117 metros do chão, pode embarcar no carrossel Praterturm. Fique atento, pois algumas atrações ficam abertas somente na alta temporada, de meados de março ao final de outubro.

Foto: Karl thomas

Ainda no Prater fica uma das atrações mais famosas da cidade, o Madame Tussauds. Por lá estão cerca de 80 estrelas do mundo do cinema, esportes, música e personalidades históricas feitas em estátuas de cera impressionantemente reais. Já o Museu do Prater (Pratermuseum) oferece uma viagem de volta ao passado ao seus visitantes, que podem descobrir mais a história do país.

Foto: Paul Bauer • Compras • 

Foto: Erwin Wodicka - wodicka@aon.at

Um local ideal para umas comprinhas é a principal rua comercial do centro histórico de Viena, a Kärntner Strasse. Por lá você vai encontrar lojas de grifes como Louis Vuitton, Boss, Rolex, Chanel, Hermès, outras como Zara, Forever 21, H&M, além de opções bacanas para crianças. É um verdadeiro shopping a céu aberto, para todos os gostos e bolsos. Aproveite para descansar em um dos cafés e aprecie os famosos doces de Viena.

• Destino para não ficar parado •

Foto: Paul Bauer

Para quem gosta de agitação, Viena é a cidade certa. Não faltam opções para casais com crianças gastarem sua energia. São quilômetros de ciclovias espalhados pela cidade, gramados abertos para piqueniques, trilhas de caminhada nos bosques, além de parques dos mais variados tipos. Nos meses de inverno, o visitante pode patinar no gelo no Wiener Weihnachtstraum do Mercado de Natal Christkindlmarkt e no Wiener Eistraum. Sempre que cai neve suficiente, muitos dos parques de Viena, inclusive o Türkenschanzpark, recebem pistas para andar de trenó.

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade