Revista Like Magazine

Este site foi desenvolvido com uma tecnologia que este navegador não suporta.
O navegador que você está utilizando está desatualizado. Ele possui falhas de segurança e uma lista limitada de funcionalidades. Você perderá qualidade na navegação em alguns sites.


Escolha um novo Navegador e navegue com mais segurança

Estas são as últimas versões dos navegadores gratuitos mais utilizados.



Acerola: a pequena notável

08/03/2016 / Por: Camila Severo

Pequena no tamanho e gigante em benefícios, a acerola deveria estar sempre presente na nossa rotina. No grupo dos chamados “alimentos funcionais”, esta frutinha de cor vermelho-alaranjada conquista cada vez mais adeptos pelos ganhos à saúde e também à estética (ela auxilia na produção e colágeno!)... Quer saber mais? Então preste atenção nas dicas da especialista em nutrição ortomolecular Mônica Werkmeister Schneider.

1 - É rica em flavonóides e antioxidantes que auxiliam na prevenção do envelhecimento precoce das células.

2- A fruta é abundante em vitamina A, B1, B6, fósforo, potássio, magnésio e cálcio. Para ter uma ideia, ela tem três vezes mais vitamina A que uma laranja.

3 - Rica em betacarotenos! Ou seja, entre outras coisas, é excelente para dar aquele up no bronzeado.

4 - Mesmo pequenina – a unidade pesa, em média, entre 20 e 40 gramas – é a fruta com maior índice de vitamina C: 100g da polpa fornecem 5g de vitamina C. “Consumir de três a quatro acerolas por dia pode suprir a necessidade diária para um adulto”, explica a nutricionista. E, segundo ela, quanto menos madura a fruta (que fica com a cloração esverdeada nesta fase), mais rica em vitamina C e menos açúcar ela tem.

5 - Estimula a síntese do colágeno, componente fundamental na manutenção da saúde óssea e tecidos conectivos... Além, claro, do papel estético do colágeno!

6 - O consumo regular ajuda no combate à fadiga, ao estresse e é imunoestimulante. O que isso quer dizer? Que a acerola reforça o sistema imunológico.

7 - Sua riqueza em minerais e alta concentração de flavonoides e antocianinas lhe conferem poderes antioxidantes, atuando na prevenção de câncer e doenças cardiovasculares.


Fotos: Fotolia

Compartilhe: