- Turismo -

MUDANÇA DE PLANOS

28.09.2020 por Bruna Kirsch

Veja histórias de pessoas que tiveram que mudar os planos de suas viagens já agendadas em função da pandemia, mas que estão otimistas aguardando a retomada do turismo. E você? Já está planejando a sua próxima trip?

CRUZEIRO PARA MIAMI ADIADO

Foto: Arquivo pessoal A advogada Adriane Denise Cerri, 42 anos, de São Leopoldo, tinha uma viagem marcada para Miami, nos Estados Unidos, para março deste ano mas, em função da pandemia, teve os seus planos adiados. Tratava-se de um cruzeiro com o MSC Meraviglia, pela NSW Turismo, agência de São Leopoldo, que iria partir de Miami e seguir até Puerto Costa Maya (México), Belize City (Belize), Roatan (Honduras) e Bahamas. “Seria a viagem dos sonhos. Infelizmente, fi quei com um sentimento de frustração e tristeza”, diz. Apesar disso, ela menciona que não teve problemas para cancelar a viagem, já que a agência resolveu tudo da melhor forma possível.

Quanto à expectativa de ir ao destino, ela afirma que sim, a viagem continua nos seus planos, porém, sem data defi nida. “Do jeito que as coisas estão, sem tratamento ou vacina eficaz contra a Covid-19, eu acredito que vai demorar mais tempopara os cruzeiros serem retomados. Ainda não há certeza se haverá voos ou se o hotel reservado ainda existirá. Não importa quando, mas assim que for seguro, farei o cruzeiro”, afirma. E depois que as coisas voltarem ao normal, Adriane menciona que ainda sonha em fazer um safári na África e em conhecer o Japão.

VIAJANTE DE CARTEIRINHA
Foto: Arquivo pessoal Adriane se considera uma verdadeira apaixonada por viagens. “Amo viajar e costumo fazer pelo menos duas viagens internacionais, e de três a quatro nacionais por ano”, conta. Só no ano passado ela realizou diversas viagens: em janeiro foi para Porto Seguro (Bahia); em maio para Turquia e Grécia; em junho para o Chile; em setembro para a Noruega e França; e em novembro para Foz do Iguaçu (Paraná) e para o Paraguai. No início de 2020, ainda conseguiu ir a Maceió (Alagoas) e, em março, antes do início da pandemia, foi para o Rio de Janeiro assistir ao desfile das Escolas de Samba Campeãs do Carnaval.

VIAGEM REMARCADA E PENSAMENTOS POSITIVOS

Foto: Arquivo pessoal Marize Strimitzer, 68 anos, é decoradora especializada em luminotécnica e mora em Novo Hamburgo. Ela conta que sempre amou viajar e, nos últimos anos, tem se dedicado ainda mais a esta atividades já que seu companheiro, Geraldo Ludwig, ama organizar roteiros e conhecer lugares. E quando a pandemia começou eles estavam em viagem pela Europa. “Voltamos em março da Escócia e da Inglaterra. Fomos pegos de surpresa pelo início da pandemia e por pouco não ficamos Marize Strimitzer, 68 anos, é decoradora especializada em luminotécnica e mora em Novo Hamburgo. Ela conta que sempre amou viajar e, nos últimos anos, tem se dedicado ainda mais a esta atividades já que seu companheiro, Geraldo Ludwig, ama organizar roteiros e conhecer lugares. E quando a pandemia começou eles estavam em viagem pela Europa. “Voltamos em março da Escócia e da Inglaterra. Fomos pegos de surpresa pelo início da pandemia e por pouco não ficamos presos em Londres”, conta.

O casal costuma se agendar com bastante antecedência, então já tem outras viagens marcadas. “Iríamos para Roma e Grécia em setembro deste ano. Assim, remarcamos para setembro de 2021. Apesar da troca de data não ficamos frustrados. Acreditamos que uma viagem não começa no embarque, ela se inicia na intenção e na formação do roteiro”, aponta. Marize e Geraldo ainda pretendem ir a Portugal e Marrocos, em março de 2021; para Holanda, Bélgica e Alemanha, em maio de 2021; e França e as rotas do champagne e vinhos, em maio de 2022. “Sou otimista de carteirinha e acho que em breve o turismo mundial deva voltar ao normal”, confessa a decoradora.

DESBRAVANDO O MUNDÃO

Foto: Arquivo pessoal Os dois viajam, em média, três ou quatro vezes por ano para os mais variados destinos. No início de 2020 estiveram passeando pela Escócia e Inglaterra. “Na Escócia, nós alugamos um carro e o Geraldo dirigiu todo o percurso nos dando a liberdade de entrar em pequenas e encantadoras cidades”, aponta Marize. Já em dezembro de 2019, passaram um tempo nas praias do Rosa, Garopaba e Bombinhas (SC), onde praticaram aulas de mergulho. “Deixamos nossOS filhos apavorados, pois eles achavam que não tínhamos mais idade para praticar o esporte.” Também no ano passado, o casal foi para o Chile e para a Argentina: “Fizemos um roteiro maravilhoso, indo para Bariloche, através de Puerto Montt e passando pelos Lagos Andinos, um espetáculo à parte”.

FERNANDO DE NORONHA CONTINUA NOS PLANOS

Foto: Arquivo pessoal A advogada hamburguense Francine Marques de Souza, 28 anos, estava com uma viagem marcada para o fim do mês de março deste ano: iria conhecer a bela ilha de Fernando de Noronha. “Planejei por alguns meses essa viagem. Pesquisei os passeios e as agências que os faziam, e comprei os melhores avaliados. Já tinha tudo pago. Dia 18 de março teve início a quarentena e dia 27 eu viajaria. Quase não deu tempo de ‘aceitar’ que não ocorreria a viagem. Foi bem frustrante e confesso que estou bastante desmotivada por ter posto tanta energia em algo que não aconteceu por motivos alheios à minha vontade”, desabafa.

A advogada conta que encontrou dificuldades para remarcar a sua viagem, mas, mesmo assim, pretende visitar o lugar. “Ainda não tenho a nova data em razão de todos os incômodos causados pela agência e pela companhia aérea. Mas acredito que somente no ano que vem me sentirei segura, após, de fato, existir alguma vacina, tendo em vista que pretendo ir com a minha mãe, que é do grupo de risco”, aponta. Francine confessa ainda que depois de ir à Noronha também pretende ir à Europa: “Mas somente se imune ao vírus”.

DESTINOS NATURAIS E HISTÓRICOS

Foto: Arquivo pessoal Francine costuma viajar de duas a três vezes por ano e está sempre em busca de lugares com muita natureza ou que tenham história, arte e cultura. Em 2019, ela foi para o Chile, para Bonito, Pantanal e São Paulo. Este último para um tour gastronômico e cultural, e algumas vezes para Santa Catarina. Em 2018, a advogada foi para Brasília, Curitiba, Minas Gerais (cidades históricas), Buenos Aires e Rio de Janeiro. E, em 2017, visitou o Uruguai e Santa Catarina. Ela acredita na retomada do turismo em breve. “Só irei me sentir segura depois de estar imune ao novo coronavírus, com a vacina. Mas acho que o turismo, num todo, retorna antes dessa garantia que eu procuro”, avalia.

LUA DE MEL NA ITÁLIA EM 2021

Foto: Arquivo pessoal A advogada Mariana Porto Koch, 36 anos, de Porto Alegre, casou no dia 14 de março com o designer João Francisco Hack, 39 anos. E, como de praxe, depois do casamento eles embarcariam para a lua de mel. “Nós iríamos para a Itália e, na semana do casamento, começou toda a história da pandemia. Eu já estava até com a mala pronta mas, na realidade, foi um alívio quando conseguimos remarcar (graças à OP Turismo, pois os nossos hotéis eram todos não reembolsáveis). Além disso, o principal, que era o casamento, nós conseguimos celebrar”, aponta. Em função disso, o casal resolveu adiar a lua de mel, que deverá ocorrer em abril de 2021. “Estou tranquila em relação a essa mudança. Até porque, após o casamento, fi zemos uma minilua de mel no Kenoa Resort, em Maceió. Foi maravilhoso e pudemos descansar. Iríamos fi car sete dias, mas tivemos que voltar dois dias antes em função dos decretos”, conta a advogada. Mariana está otimista quanto à retomada do turismo. “No Brasil já está voltando aos poucos. No feriado de outubro vamos para o Copacabana Palace e, em março, comemoraremos o nosso um ano de casados no Palácio Tangará, em São Paulo”, diz. No futuro, ainda está nos planos da advogada voltar para a Grécia, Nova York e também conhecer Israel.

EUROPA SEMPRE NOS PLANOS

Foto: Arquivo pessoal Mariana conta que costuma viajar bastante e tenta ir à Europa todo os anos. “Como morei na Europaem 2004, fiz estagio lá, eu retornei a Londres nas férias de julho de 2005, 2006 e 2007 para fazer estágio, e sempre tive o sonho de ir ao menos uma vez por ano para a Europa. Nos últimos anos estamos conseguindo cumprir”, comemora. Em julho de 2018 o casal foi para Paris, Londres, Leiden e Amsterdã; e em setembro de 2019 os dois visitaram Barcelona, Lisboa, Coimbra, Vale do Douro, Óbidos e Nazaré.

Para o roteiro da lua de mel, em abril, estão previstos os seguintes destinos: Lisboa, Florença, Toscana (Monteriggioni, Siena, Montepulciano), Roma, Costa Amalfitana (Amalfi, Positano, Praiano, Capri) e Paris.

Publicidade
Publicidade
Publicidade