- Decoração -

Confira as novidades da CASACOR São Paulo

01.08.2019 por Taila Rheinheimer Schmidt

Foto: Divulgação

O mais aguardado evento nacional de arquitetura, design e decoração, a CASACOR São Paulo, já está “causando” e se reafirmando como o grande palco das novas tendências. Entre os destaques estão projetos que apresentam pensamentos sustentáveis “de dentro para fora.” “É pensar de dentro para fora, começando pela nossa individualidade e nosso propósito como ser humano. Somente assim será possível enxergar o outro, como um elo no cuidado com o mundo”, explica Lívia Pedreira, diretora superintendente da CASACOR. Com nove semanas de duração, a edição apresenta 75 ambientes em mais de 15 mil m2 unindo afetividade, sustentabilidade e muita tecnologia. O time de profissionais inclui nomes consagrados, como Leo Shehtman, Jóia Bergamo, Roberto Riscala, Denise Barretto, Pedro Lázaro e Leo Romano.

• COTIDIANO INTERATIVO • 

Atrelada a essa necessidade de constante movimento, a tecnologia evoluiu para uma ferramenta mais amigável e que facilita esse processo, tornando o cotidiano mais prático e interativo. “As conexões com o outro se tornaram sem fronteiras. Nessa premissa, deixar a casa mais inteligente e organicamente integrada às inovações tecnológicas é uma das principais tendências encontradas nas últimas feiras, como a Semana de Design de Milão e a Maison et Object”, explica Pedro Ariel, diretor de conteúdo e relacionamento da CASACOR. Para aprofundar a experiência em cada ambiente, QR Codes estão disponíveis nos espaços. Com a câmera do seu smartphone, o visitante pode capturar os códigos e acessar páginas on-line com conteúdos exclusivos: fotos, vídeos, descrições e informações sobre os profissionais.

• DESTINAÇÃO ADEQUADA •

Lado a lado com a tecnologia está a sustentabilidade, outro importante pilar da mostra. Em 2019, a meta é deixar de produzir 450 toneladas dos mais diversos resíduos em todas as fases do evento e dar adestinação adequada para o restante. Este ano, a mostra deixa de imprimir 115 mil convites em papel e mais de mil passaportes plásticos, e quem adquirí-los antecipadamente estará contribuindo com a causa. Além disso, esse ano os visitantes têm acesso à Rota da Sustentabilidade da CASACOR. Antes uma área apenas de bastidores, a Central de Resíduos agora faz parte do roteiro e demonstra, com práticas diárias, como a mostra processa todos os tipos de materiais. O espaço tem uma horta de orgânicos que abastece as operações gastronômicas de ervas frescas diariamente e, além disso, uma composteira para a produção de adubo, que pode ser levado para casa pelos visitantes.

• Módulos habitáveis •

Foto: Divulgação

A mobilidade foi o principal ponto de partida do Loft Mobili, espaço criado pelos arquitetos Hugo Schwartz e Alexandre Gedeon, do InTown Arquitetura. O loft tem como principal tendência as soluções viáveis dos módulos habitáveis e suas diversas possibilidades de adaptação e versatilidade. A arquitetura é inovadora e itinerante, pois o rápido e inteligente sistema construtivo permite que sua estrutura metálica seja transportada semipronta para ser remontada em qualquer lugar em um prazo de três a quatro meses, de acordo com o acabamento interno escolhido. Com a arquitetura sustentável em voga, o uso de cobogós permite a ventilação natural e as claraboias a entrada de luz. Toda a cobertura do ambiente é plana e recebeu uma manta que reflete 95% da luz solar e reduz a sensação térmica em seu interior.

» INTOWN ARQUITETURA - Loft Mobile

• Conceito riuga •

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Com a proposta de transformar o ambiente de morar em um lugar acolhedor, sensorial e visualmente agradável, Melina Romano trouxe para o estúdio de 68 m² o conceito dinamarquês “riuga”, que prega o bem-estar, conforto e proximidade. Com elementos modulares e mutantes, onde é possível criar uma distribuição de espaço completamente diferente, a arquiteta aposta nas formas arredondadas e orgânicas dos móveis que quebram qualquer rigidez visual.

» MELINA ROMANO - Estudio Hygge

• Integração •

Foto: Divulgação

Um projeto único, onde o conforto e a natureza se encontram e o bem-estar alinha-se ao design, proporcionando sensações únicas em um espaço elegante e acolhedor. Essa é a proposta de Consuelo Jorge para o Loft Refúgio. Os 101 m² oferecem uma atmosfera sofisticada e calorosa, dentro da praticidade de seus ambientes integrados.

» CONSUELO JORGE - Loft Refúgio

• Overdose de verde •

Foto: Divulgação

A casa de 480 m² traz estilo contemporâneo e clean, propondo um refúgio urbano sofisticado e elegante em meio à natureza. Um grande painel com brises metálicos em alumínio reciclado compõe a fachada, permitindo maior entrada de luz natural nos ambientes. A partir de um eixo central, a casa é dividida entre ala íntima e social, esta última, totalmente voltada para um jardim central com grandes portas de vidro que criam conexão interior-exterior. O hall de entrada expõe uma escultura do artista suíço Not Vital e abre caminho para o restante do projeto, que traz muito verde com seus jardins e floreiras, pedras naturais e ambientes.

» DEBORA AGUIAR - Dolce Villa Todeschini

• Contemporâneo e art déco •

Foto: Favaro JR/Divulgação

Conforto, sustentabilidade, sofisticação e uma miscelânea dos estilos contemporâneo e art déco conceituam a Suíte Blush. Com 53 m², o ambiente apresenta atmosfera arquitetônica atemporal. Harmonizada com as características dos estilos clássico e rústico, possui uma entrada que permite uma visualização ampla de todo o projeto, composto pelo recinto principal, o quarto, um imponente closet e a sala. Seguindo a tendência de trazer funcionalidade e elegância, o designer de interiores projetou a suíte em tons sóbrios com nuances que transitam entre bege, cinza e rosé, priorizando uma composição feita com móveis, adornos decorativos, tecidos e revestimentos com estilo acrônico.

» BRUNO CARVALHO - Suíte Blush

• Painel de aquarelas •

Foto: Evelyn Müller/Divulgação

Em sua primeira participação na mostra, a arquiteta apresenta um espaço pensado para resgatar o prazer e a necessidade de parar e respirar fundo. E foi em sua vivência pessoal que a profissional buscou inspiração para criar um dos pontos mais interessantes do espaço: um arco iluminado e revestido por ladrilhos hidráulicos estampados com símbolos musicais e relacionados com o tempo. Ana, que é
filha do compositor Almeida Prado, também traz um painel de aquarelas pintadas pelo pai sobre papéis pautados de partituras.

» ANA SAWAIA - Saleta Pausa

• Avesso a podas •

Foto: Evelyn Müller/Divulgação

O paisagista assina jardim de 178 m² com paisagismo descontraído, avesso a podas e simetrias, composto por diversas espécies vegetativas predominantes da mata nativa brasileira, com estilo tropical e cheio de folhagens que trazem movimentos, cores e texturas. O piso tem paginação descontraída, que combina com os revestimentos artísticos e cobogó com design contemporâneo e arrojado.

» ROBERTO RISCALA - Praça da Arte

• Mármore Nacarado •

Foto: Divulgação

Uma casa pensada para um casal sem filhos, que ama celebrar a vida e a arte. Com 144 m², foi toda integrada e presta homenagem a Fauno Barberini, figura da mitologia romana (apropriação do Sátiro na versão grega). Ao entrar no espaço, o visitante se depara com o exótico Mármore Nacarado que reveste uma parede e parece flutuar ao longo dos 18 metros de espelho d’água. Obras modernistas, como o Pavilhão de Barcelona projetado pelo arquiteto Mies van der Rohe em 1929, também serviram de inspiração para este projeto, uma forma de homenagear o centenário da escola Bauhaus.

» LÉO SHEHTMAN - Casa do Fauno

• Lifestyle •

Foto: ROMULO FIALDINI/Divulgação

O conceito do Coral Hotel se aproxima dos inteligentes hotéis design, que mundo afora disponibilizam experiências específicas e inovadoras para pessoas que veem nesse conteúdo o seu próprio lifestyle. Ele se apresenta a partir de um lobby e, em seguida, uma suíte máster. Uma intervenção de esculturas de pássaros na fachada do histórico edifício do Jockey sinaliza e posiciona a marca dentro do evento. O lobby, com design e objetos da cultura brasileira, é um convite a permanência e interação.

» PEDRO LÁZARO - Coral Hotel

• Texturas •

Foto: ROMULO FIALDINI/Divulgação

Evidenciando a ligação com a arte, o ambiente de 130 m² flui por um mosaico espacial de texturas de madeira. Nas paredes, o material aparece em sua forma natural e no assoalho em carvalho claro. As cores cerâmica e terracota, lado a lado com vários tons de pedra, o design contemporâneo e as obras de arte dão continuidade ao fluxo proposto para o atelier.

» DENISE BARRETTO - Atelier de Morar

• CASACOR SÃO PAULO 2019 • 

» Até o dia 4 de agosto
» Visitação de terça a domingo
» Jockey Club de São Paulo Avenida Lineu de Paula Machado, nº 1.075 - Cidade Jardim
» Ingressos no local e pelo casacor.byinti.com – de R$ 64 a R$ 80 (crianças até 10 anos não pagam entrada).

Publicidade
Publicidade
Publicidade